Esporão, o que é e como surge?

Esporão, o que é e como surge?

A fasceite plantar ou fascite plantar é uma doença que atinge tecidos que fazem parte da sola do pé em forma de inflamação. Graças a isso se dá o esporão. Só no Brasil mais de um milhão de pessoas são afetadas. Países desenvolvidos como os Estados Unidos, os casos mais do que dobram chegando a 2,5 milhões. Esses números são estatísticas anuais. Demonstrando assim o quão importante é cuidar das dores nos pés.

 

Você pode ler mais sobre dores nos pés aqui: https://www.maestrosaude.com.br/destaques/dores-nos-pes-um-sintoma-preocupante/

 

O ortopedista é o profissional correto para cuidar desse problema que afeta o calcanhar com fortes dores.

 

Como se dá o esporão?

 

As causas para isso ficam ligadas a malefício conhecido popularmente como tendão de Aquiles (retração do tendão calcâneo, nome científico).

 

A planta do pé tem sua composição em estruturas elásticas, que são os músculos e estruturas rígidas que é a fáscia. Juntos eles promovem a força aos músculos flexores curtos dos dedos, e agem como a alavanca para o funcionamento do setor quando o calcanhar sai do chão.

 

Devido estresse excessivo acontece um estiramento da fáscia, originando fissuras e inflamação. A busca pelo profissional médico no início das dores, que é o principal sintoma, é essencial para um melhor tratamento.

 

 

 

Tratamentos

 

O tratamento visa resolver tal inflamação e dor, sendo trabalhado diversos exercícios de alongamento do tendão de Aquiles e da fascia plantar.

 

Também é indicado o uso de fisioterapia, medicamentos para combater as dores e desinflamar o local.

 

Se os problemas não terminarem com isso, então o tratamento passa a ser feito com a técnica de choque extracorpórea.

 

Cirurgia apenas é indicado, caso o paciente passe por alguma complicação advinda por outra doença.

 

Estudos da especialidade mostram que 80% dos portadores de esporão de calcanhar melhoram de um mês e meio a dois meses fazendo o tratamento regularmente.

 

 

Perguntas e Respostas

 

O esporão de calcanhar é hereditário?

 

Não. Mesmo que em sua família existam muitas pessoas que passaram por tal problema, você pode ficar tranquilo. Essa doença trabalha com a inflamação no pé e não possui nenhuma característica de hereditariedade.

 

Se usam exercícios e choques como tratamentos, isso não pode piorar os sintomas?

 

Muito pelo contrário, são essas movimentações feitas por um profissional que vão reativar a área a voltar à normalidade. Os sintomas apenas vão piorar se nenhum tratamento foi realizado.

 

Estou com fortes dores na região. Quantos dias devo esperar para ir no médico?

 

A partir do momento em que os sintomas se tornam parte da sua rotina, procure um médico. O diagnóstico preventivo contribui com a rapidez do início do tratamento e assim logo já sentirá a melhora no calcanhar.

 

A troca de calçados ajuda na prevenção do esporão?

 

Sem dúvida. Com calçados novos é possível cuidar da forma como o pé exerce a sua principal função. Assim o conforto do mesmo se mantém e as chances de desenvolver esporão são esquecidas.

 

Que grau a dor deve chegar para que eu tenha a certeza que tenho esporão?

 

Primeiramente, a dor é diferente no ato de se sentir. Cada uma tem o grau que aguenta. A dor mesmo que alta não te dará a certeza de ter ou não o esporão.

 

Quem pode dar a certeza de se ter ou não isso é o profissional médico. Que vai te avaliar, pedir exames para confirmar o diagnóstico.

 

Se as suas dores não passam normalmente e as mesmas afetam a sua qualidade de vida, não deixe de buscar ajuda médica.

Conheça alguns médicos especialistas da área:
Destaques, Dicas, Notícias, NOTÍCIAS, Ortopedia e Traumatologia

Dr. Erick Murata
Ortopedia e Traumatologia atende em SP Dr. Erick Murata - RQE: www.orthosport.com.br Consulta
Dr. Daniel Jorge
Ortopedia e Traumatologia atende em SP Dr. Daniel Jorge - RQE: www.orthosport.com.br Consulta
Dr. André Jorge
Ortopedia e Traumatologia atende em SP Dr. André Jorge - RQE: www.orthosport.com.br Consulta
  • Veja também


Descolamento da retina: Como diagnosticar e tratar?

O descolamento da retina é um grave problema e precisa de cuidados médicos de forma urgente. Quando essa fatalidade...

Quais são os sintomas do HIV?

Os sintomas do contágio do HIV são complicados de serem conhecidos, por serem bastante comuns de outras doenças, a...

Dores de cabeça e Tratamentos

As dores de cabeça afligem a todos, mas os tipos dessa dor nem sempre são iguais. A razão disso...

Quais são os sintomas da Gripe H1N1?

Os sintomas que a gripe H1N1 apresentam estão muito próximos aos que a gripe comum possui. Seu surgimento acontece inesperadamente...

As Doenças que a Acupuntura trata

A acupuntura é uma forma de tratamento terapêutica que tem a China como o seu berço. A técnica prevê...

O que é o Astigmatismo? Sintomas, Causas e Tratamento

Astigmatismo é o defeito óptico resultante de uma curvatura desigual ger. da córnea e mais raramente do cristalino ou...

O que é uma Cesárea?

A cesárea é um tipo de parto que consiste essencialmente de um corte no abdômen e outro no útero...

TDAH – Déficit de Atenção e Hiperatividade: Doença atinge inúmeras crianças

O TDAH –  transtorno do déficit de atenção e hiperatividade tem como característica a presença de sintomas como desatenção, hiperatividade e...

Tafenoquine: Medicamento que trata Malária em apenas uma dose

Doença atinge 8,5 milhões de pessoas ao ano. O medicamento Tafenoquine recebeu autorização dos Estados Unidos, agora outros países...

HIV e DST’s crescem no Brasil

O Ministério da Saúde mostra em recente levantamento o crescimento das DST’s e do HIV, os jovens são os...

Author: Redação

Share This Post On
468 ad