Ter uma má noite de sono envelhece o cérebro em 5 anos

Ter uma má noite de sono envelhece o cérebro em 5 anos

Os pesquisadores americanos descobriram que apenas três ou quatro anos de padrões quebrados de sono estão ligados a uma perda de memória e concentração. Eles dizem que o sono de má qualidade aumenta o risco de se ter prejuízos nas faculdades mentais em até 50%, o equivalente a um aumento de cinco anos na idade cerebral.

O líder do estudo, Dr. Terri Blackwell, do Instituto de Pesquisa Médica do da Califórnia, em São Francisco, disse: “Foi à qualidade do sono que previu o declínio cognitivo futuro no presente estudo, não a quantidade. Com a taxa de comprometimento cognitivo e aumentando a alta prevalência de problemas de sono em idosos, é importante determinar potenciais associações com o sono e o declínio cognitivo”.

O estudo, publicado na revista Sleep, envolveu 2.820 homens com uma idade média de 76 anos. Cada participante do estudo teve seus padrões de sono monitorados ao longo de cinco noites e, em seguida, cada um foi testado em funções que envolviam planejamento, tomada de decisão, correção de erros, resolução de problemas e pensamento abstrato.

Os mecanismos subjacentes que ligam sono perturbado ao declínio mental permanecem desconhecidos, observaram os autores. Eles acrescentaram que outros estudos são necessários para determinar se essas associações permanecem depois de um longo período de acompanhamento.

Dr. Safwan Badr, presidente da Academia Americana de Medicina do Sono, disse: “Este estudo fornece um lembrete importante de que o sono saudável envolve tanto a quantidade e quanto a qualidade do sono. Como um dos pilares de um estilo de vida saudável, o sono é essencial para o funcionamento cognitivo ideal”.

A notícia veio apenas meses depois que um estudo revelou que ficar sem dormir por apenas uma noite provoca alterações no cérebro semelhantes às que ocorrem depois de um golpe na cabeça. Pesquisadores, da Universidade de Uppsala, na Suécia, descobriram níveis de substâncias químicas que funcionam como biomarcadores para a ascensão de dano cerebral após a privação de sono.

Eles acreditam que isso acontece porque o cérebro geralmente sofre com substâncias tóxicas durante o sono e os biomarcadores aumentam-nas em resposta ao súbito acúmulo dessas substâncias após uma noite sem dormir.

Os pesquisadores suecos disseram que seu estudo apoia outros estudos anteriores, que ligava a falta de sono ao aumento do risco da doença de Alzheimer, Parkinson e esclerose múltipla.

O professor Christian Benedict, da Universidade de Uppsala, disse: “Em conclusão, os resultados do nosso teste indicam que uma boa noite de sono pode ser essencial para a manutenção da saúde do cérebro”.
Fonte: Jornalciencia

  • Veja também


Hospital Sírio-Libanês no Congresso da Sociedade de Cardiologia de SP (Socesp) 2017

Hospital Sírio-Libanês participa de um dos maiores eventos de cardiologia O Hospital Sírio-Libanês estará presente na 38.ª edição do...

Casa de Saúde Saint Roman realiza mais de 70 mil atendimentos

A Casa de Saúde Saint Roman, referência nos tratamentos da saúde mental e dependência química no Rio de Janeiro,...

5 motivos para o médico ir até você

A tecnologia está conferindo um papel importante na saúde: unir acessibilidade para atender uma grande demanda de usuários que...

Instituto Oncoclínicas lança plataforma digital

O Instituto Oncoclínicas de Ensino, Pesquisa e Educação Médica Continuada (IOEPEMC) acaba de lançar o canal na internet com acesso...

A revolução do hospital digital

Em entrevista ao Saúde Business, o diretor geral da MV, Luciano Regus, enumera as vantagens do hospital digital e...

Como a telemedicina está transformando os cuidados em saúde [Infográfico]

Vivemos um período marcado por conexões de internet mais rápidas, smartphones onipresentes. O momento contribui para que o setor...

Ateliê Oral apresenta tendências para odontologia (Soluções Ateliê Oral)

Estamos vivendo um momento crucial na odontologia. Com o auxílio de avançadas ferramentas tecnológicas, esta área da saúde não...

Nova regulamentação autoriza farmácias a aplicar vacinas

As farmácias estão entrando em um novo mercado que é no momento atual dominado pelas clínicas de imunização. Uma...

Doação de sangue 2017 | Campanha de doação de sangue envolve celebridades

Atualmente, 1,8% da população brasileira doa sangue. A Campanha tem como objetivo reafirmar a importância do ato e incentivar...

Medicamentos mais baratos | Países do Mercosul faram compras conjuntos de medicamentos

Medida visa redução de preço para maior oferta de tratamento à população dos países que integram o bloco Os...

Author: Redação

Share This Post On

Agência de Marketing especialista na área da saúde.
www.convertmkt.com.br